Aprenda como evitar e fugir do efeito sanfona

Hábitos saudáveis passam a ser uma obrigação para todos nós que desejamos emagrecer ou manter um corpo saudável, principalmente para quem costuma sofrer com o efeito que assusta a todos que querem perder peso, o famoso “efeito sanfona”.

Esse efeito é considerado um verdadeiro problema para quem quer emagrecer de forma definitiva. Você até consegue emagrecer por curtos períodos de tempo, mas logo os quilos perdidos voltam. Se você assim sofria ou ainda sofre com o efeito sanfona precisa entender que algo na sua alimentação e rotina diária podem estar errados. Logo alguns hábitos alimentares devem ser mudados.

Veja como vender o efeito “sanfona”

O problema é que há muitas pessoas que sofrem com o efeito sanfona, que se caracteriza como aquele onde a pessoa chega a passar por altos e baixos em relação ao seu corpo passando por períodos de oscilações de peso na balança. Ele pode ser causado por conta das mais diferentes razões. É comum encontrar alguns dizendo que o problema é a genética, porém os problemas podem ir além disso e podem estar justamente em seus hábitos diários.

De certo modo, é comum ocorrer o efeito sanfona quando uma pessoa não tem práticas saudáveis em sua vida. Se o processo de emagrecer aconteceu de maneira irregular com base em medicamentos e dietas que prometem um resultado rápido, a tendência é justamente a pessoa sofrer esse efeito caso não mude seus hábitos alimentares e não passe por uma reeducação alimentar. Por exemplo, quem fez uma dieta rigorosa e emagreceu muito, quando deixa de fazê-la e volta comer como antes sofre como consequência esse efeito.

Com isso pode-se dizer que o segredo para evitar o efeito sanfona é mudar a sua rotina e fazer uma reeducação alimentar. Se você estava acostumada (o) antes da dieta a comer alimentos ricos em gorduras e açúcar é fundamental evitar ingeri-los novamente.

É necessário passar por um processo de reeducação alimentar, pois assim você pode comer de forma equilibrada sem ganhar o peso perdido no passado. Não podemos esquecer também que a prática de atividades físicas mesmo que sejam feitas em casa também é algo necessário e fundamental para evitar tal efeito.

Em algumas dietas efetivas que se encontram em alta no universo fitness, é possível encontrar práticas que influenciam no “depois” da dieta. Se o objetivo é evitar o efeito sanfona é necessário seguir essas dietas à risca devido ao fato delas terem fases que se dividem entre o processo todo para emagrecer, o de aprendizagem sobre os alimentos e o de consolidação para a pessoa aprender a lidar com novo peso e mantê-lo com as boas práticas.

Alguns especialistas afirmam que logo após uma dieta rigorosa o cérebro costuma interpretar a eliminação de peso como uma ameaça para todo o organismo e por isso irá queimar as calorias em uma quantidade menor. Além disso, ele tende a desacelerar todo o metabolismo o que pode provocar o efeito sanfona.

Portanto, tenha uma atenção maior com os alimentos que irá ingerir depois que acabar sua dieta. Se deseja evitar o efeito sanfona é necessário mudar toda a sua rotina e possuir hábitos alimentares definitivos que possam garantir não somente um corpo a qual sempre desejou, mas principalmente, um corpo mais saudável.

Mas, fique tranquila! Basta reeducar seus hábitos alimentares e pronto.

Sendo assim, para aqueles que desejam evitar o efeito sanfona passa a ser necessário estimular a queima de calorias e o bom funcionamento do seu metabolismo com a alimentação regrada antes durante e após o término da dieta aliado a outro fator fundamental; a prática de exercícios físicos regulares.

 

Nossa equipe de redatores é altamente capacitada para a produção de conteúdos de qualidade sobre saúde, alimentação e fitness. Nossos redatores possuem vasta experiência na produção de conteúdo para diversos portais e blogs relevantes do mercado.

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *